-
 
INC EmpreendedorINC Pautas..editora

 

Após 10 ANOS e 40.000 títulos publicados,
creio já ter feito o bastante pelo empreendedorismo,
ao menos por este canal.
Este site está à venda, completo, com domínio e clientes.
Entre em contato com sua proposta

 

INCorporativa Empreendedor
login
Esqueci a senha

Linked In
RSS Feeds Twitter

 


 

ESTE SITE ESTÁ À VENDA

 

CONTATO

 


Gerenciador Financeiro
móvel
       
  Bookmark and Share     
  02/03/2015 - Atenção às mudanças no Imposto de Renda 2015
  09/02/2015 - Como entrar na Justiça contra a Sabesp pela cobrança de m...
  17/11/2014 - Confraternizações nas empresas: divirta-se sem cometer ga...
  26/09/2014 - O controle das finanças pessoais
  29/08/2014 - Boleto de registro de marca no INPI - Cobranças indevidas...
  23/07/2014 - Dez dicas de como se previnir da fraude do boleto eletrôn...
1 2  3  4  5  6   
Como não cair na 'malha fina' da Receita Federal

O professor de finanças da Universidade Presbiteriana Mackenzie Campinas dá dicas para os contribuintes não caírem na “malha fina".


  Views: 24442 - incorporativa.com.br - reprodução permitida com link para fonte
Esta pauta é de sua assessoria? Cadastre-se na Agência de Pautas INCorporativa.

 03/03/2015

Estamos no período de declarar nossos rendimentos a Receita Federal do Brasil e uma das principais preocupações dos contribuintes é cometer erros no preenchimento e acabar caindo na chamada “Malha Fiscal da Declaração de Ajuste Anual da Pessoa Física”, que é popularmente conhecida como "malha fina". A Malha Fiscal é apenas a revisão sistemática de todas as declarações do imposto de renda dos contribuintes, nos modelos completo e simplificado, que hoje é efetuada de forma eletrônica.

Nesta revisão, são efetuados os cruzamentos das informações com os demais elementos disponíveis nos sistemas da Secretaria da Receita Federal, juntamente com a verificação dos dados declarados pelo contribuinte. No momento em que a declaração é entregue inicia-se o processamento eletrônico das informações declaradas. É nesta fase que são realizadas verificações para identificar erros de preenchimento e/ou informações inconsistentes que possam caracterizar infração à legislação tributária federal.

Dependendo da irregularidade que for encontrada, interrompe-se o processamento da declaração, sendo que em casos mais complicados é necessária a participação do contribuinte, que será intimado a apresentar informações e documentos.

Existem alguns parâmetros que devem nortear o preenchimento da Declaração de Ajuste Anual da Pessoa Física, que se forem atendidos na sua totalidade reduzem significativamente a hipótese do contribuinte ter sua declaração retida no procedimento fiscal:

- Evitar não declarar fontes pagadoras, pois as empresas informam à Receita Federal todos os pagamentos feitos por trabalho assalariado e todos os demais pagamentos efetuados;

- Declarar aluguéis recebidos, pois as imobiliárias transmitem os valores pagos aos locadores cujos imóveis são por elas administrados. O locador que não declarar o aluguel, fatalmente cairá na malha fina;

- Observar a movimentação bancária elevada, uma vez que as instituições financeiras informam toda a movimentação bancária à Receita Federal, através da DIMOF. Desta forma, os depósitos bancários devem ter origem devidamente justificada pelos rendimentos declarados, pela venda de bens, transferências entre contas, ou outra relação que caracterize o lastro do dinheiro;

- Acompanhar as despesas com cartões de crédito, pois as administradoras de cartões de crédito informam todos os cartões cujos gastos foram superiores a R$ 5.000,00 mensais. Neste caso a renda informada deve ser suficiente para suportar tais gastos, podendo indicar que o contribuinte está omitindo informações de sua real renda.

- Ter cautela com despesas médicas, pois muitos contribuintes são barrados neste quesito em virtude de valores pagos que são considerados incompatíveis com a renda bruta declarada, indicando erro. Valores discrepantes chamarão a atenção do fisco e irão, sem dúvida, provocar a retenção da declaração.

De uma forma ou de outra, as operações realizadas pelo contribuinte que envolvam a sua renda e o uso que faz dela são apontados e a atenção a todos estes detalhes no momento da montagem da declaração podem evitar problemas com o fisco federal e a consequente retenção na malha fina.

*Luiz Carlos Lemos Júnior é professor de finanças do curso de Administração da Universidade Presbiteriana Mackenzie em Campinas

Facebook xCurta a INCorporativa no Facebook
Twitter xAcompanhe pelo Twitter
Newsletter xReceba a Newsletter
Envie notícias xViu alguma notícia e quer que publiquemos? Envie-nos



 

 

 

 

px
Sexualidade

egoi

artigos
 
Publique seus Artigos
- Faça o login para publicar
 
Luciano Antonio Serrano
Liderança Praticada na Azul Linhas Aéreas
 
Allan Alves
10 dicas para aumentar a sua empregabilildade
 
Ernesto Berg
Todos Têm Aptidão para Liderar
 
proefi
Porque realizar uma pesquisa de Clima Organizacional
 
Helder Sampaio
Certificado Digital – Você ainda vai ter um!
 
H.R.Meirim
Médias e pequenas empresas estão começando a olhar para a atividade lo...
 
Paulo Massuno
Comunicação eficaz nas empresas
 
   
- Mais vistos - Ver todos

 
 
 
AGÊNCIA DE PAUTAS, HOJE
Assessoria, cadastre-se aqui
12:34  PROTESTE faz alerta sobre quantidade de sódio em alimentos
11:5  Vitta Residencial participa do Feirão da Caixa, em Piracicaba
11:17  Vitta Residencial participa do Feirão da Caixa, em Bauru
10:56  Núcleo de Contadores de Histórias promove encontro no próximo sábado (24)
10:42  Clube da Leitura promove encontro neste sábado (24), em Ribeirão Preto
09:59  Curso em Curitiba ensina técnicas de negociação no mercado de milho e soja
09:51  Instituto Ética Saúde é destaque no Congresso da SBHCI

Visite o site
x
 
 
 
  Editora INCorporativa  
INCorporativa Comunicação
Comunicação e divulgação para empresas, profissionais liberais e produtos Saiba mais
 
  Pautas INCorporativa   PAUTAS INCorporativa
Assessorias de comunicação publicam seus releases e sugestões de pauta.
O site divulga os textos nas redes sociais e o distribui a jornalistas cadastrados. Saiba mais
 
  incorporativa negócios   INCorporativa NEGÓCIOS
Desenvolvemos sua publicação empresarial - jornais, revistas, informativos - Saiba mais
 
  VOCÊ ESTÁ AQUI:
  INCorporativa Empreendedor   INCorporativa EMPREENDEDOR
Notícias e artigos de interesse ao empreendedor e seus colaboradores.
Cadastrados podem inserir artigos sobre negócios e utilizar o gerenciador financeiro Meu Dinheiro.
Acesse diariamente e atualize-se. Siga-nos no Facebook e Twitter.
 
       
 
Noticias e Artigos  
Administração
Artigos Diversos
Artigos dos leitores
Comércio Exterior
Editoriais
Empreendedorismo - MPE
Entrevistas
Especiais
Eventos. Cursos.
Finanças e Economia
Franchising
Legislação / Jurídico
Mídias/Redes Sociais
Marketing, publicidade, Marcas
 
 
 
 
Cadastro Nas Redes Sociais
Linkedin
Twitter
ME Adiciona
 
Institucional
Fale Conosco
Parcerias
Quem Somos
Termos de Uso
Política Privacidade
 
 
 
Mais
Sugerir artigos
Sugerir pauta
Afiliados
 
PAC-PME
 
Meu Gerente
 
Marcas que Brilham
.
Meu Dinheiro
 
Artigos refletem única e exclusivamente a opinião de seus autores. Todo o conteúdo divulgado decorre de informações advindas das fontes mencionadas, sendo, portanto, de responsabilidade exclusiva da fonte ou do autor, não cabendo à INC Comunicação ou à Revista INCorporativa responsabilidade por citações, teor, exatidão ou veracidade do conteúdo, produto ou serviço divulgado. Indicação de publicações são apenas para divulgação, não sendo avaliados por este veículo de comunicação.

 

 

INCorporativa, Revista INCorporativa, Revista Corporativa são Marcas Registradas - 2007-2014.
Esta publicação online é gratuita, uma cortesia da 
© Editora INCorporativa - Comunicação e Produção Editorial

Reprodução de conteúdo permitida com link para a fonte.